Juiz Odilon e Nelsinho Trad são os preferidos na Capital para o Senado

Pesquisa mostra a dificuldade dos atuais senadores garantirem à reeleição

 

O juiz federal Odilon de Oliveira e o ex-prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad (PTB) são os preferidos dos eleitores da Capital para assumirem as duas vagas no Senado a partir de 2019. A pesquisa foi feita pelo Ipems (Instituto de Pesquisas de Mato Grosso do Sul Ltda.) com 400 pessoas entre os dias 15 a 17 deste mês. Se as eleições fossem hoje, Odilon receberia maior votação. Ele teria 41,63% das intenções de voto, enquanto Nelsinho conquistaria a segunda vaga com 34,95%.

 

A margem de erro é de 4,90 pontos porcentuais para mais ou para menos dentro do resultado total da amostragem.

No atual cenário político, a pesquisa revela a dificuldade dos atuais senadores - Waldemir Moka (PMDB) e Pedro Chaves (PSC) - de garantir a reeleição se dependerem da vontade dos eleitores de Campo Grande.

 

Moka, na eventual candidatura à reeleição, ficaria em quinto lugar dentre oito nomes submetidos à avaliação do eleitor com 9,44% das intenções de voto. Uma posição abaixo, está Chaves com 7,59%.

 

A vice-governadora Rose Modesto (PSDB), se estivesse concorrendo ao Senado, ficaria atrás de Nelsinho com 29,86%. Ela ganhou maior visibilidade eleitoral disputando a Prefeitura de Campo Grande, em 2016. Rose perdeu para Marcos Trad (PSD) no segundo turno.

 

(*) A reportagem completa está na edição do jornal Correio do Estado.

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Proibida de participar de licitação, empresa ganha pregão de R$ 60 milhões com a SEFAZ-MS

11.7.2020

1/18
Please reload

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA: de “MARIDO” para “MULHER”

11/07/2020

1/18
Please reload

mega_fone_cidadão..jpg

RW apresenta Noticiário ao vivo das 19h00 ás 20h00 a partir desta quarta feira

10.4.2019

1/5
Please reload