PSB afasta Teresa Cristina da presidência do partido, por desobediência.

28/04/2017

Teresa Cristina desobedeceu orientação do PSB e votou a favor da reforma Trabalhista.

Campo Grande(MS) - Ela não seguiu a orientação do comando nacional do partido para votar contra o projeto e não estava sozinha como fiel ao governo. Como líder da bancada, Tereza Cristina pediu para votar contra durante apreciação do texto-base, mas não seguiu a sua própria orientação e ficou a favor do projeto ao lado de mais 13 parlamentares dos 30 do PSB.

 

A desobediência custou a presidência do legenda no Estado. Além dela, mais três parlamentares foram afastados da direção partidária em seus  Estados. O projeto de lei foi aprovado na madrugada de ontem no plenário da Câmara dos Deputados por um placar de 296 votos a 177. Embora integre a base aliada do governo Michel Temer e comande o Ministério de Minas e Energia, a legenda havia fechado questão contra a matéria.

 

Assim,  todos os parlamentares deveriam seguir a orientação da cúpula da legenda sob pena de punição. Além de Tereza Cristina, os deputados Danilo Forte (CE), Fábio Garcia (MT) e Maria Helena (RO), que presidem a direção partidária em seus Estados, perderam  o cargo porque votaram a favor do texto.

 

Além disso, os deputados poderão sofrer sanções previstas no código de ética do partido, que vai de advertência a expulsão. Caberá ao Conselho de Ética interno analisar representações que vierem a ser apresentadas contra eles. Com informações de Agências de noticias.

 

Além de Teresa Cristina votaram a favor to texto os deputados, Luiz Henrique Mandetta (DEM) Eliseo Dionísio (PSDB), Geraldo Resende (PSDB), e Carlos Marun (PMDB).

 

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Em nova pesquisa, LENILSO CARVALHO (MDB) lidera disputa à prefeitura de MARACAJU

27.10.2020

1/18
Please reload

Juiz “INDEFERE” candidatura de SÉRGIO HARFOUCHE

27/10/2020

1/18
Please reload

mega_fone_cidadão..jpg

RW apresenta Noticiário ao vivo das 19h00 ás 20h00 a partir desta quarta feira

10.4.2019

1/5
Please reload