A farra das diárias em Maracaju

30/05/2017

A prefeitura Municipal de Maracaju já gastou R$ 143.170,00 com rede hoteleira em 133 dias no ano de 2017.

O site Transparência da Prefeitura Municipal de Maracaju informa um gasto de mais de um milhão de reais em despesas com diárias de três hotéis na cidade, nos últimos quatro anos de mandato da atual administração.

 

No detalhamento das despesas está informado que as diárias foram utilizadas por autoridades em visita ao município.

 

Vale lembrar que cada autoridade em visita a outro município tem direito a próprias diárias para arcar com despesas de hospedagem e alimentação.

 

O que mais causou espanto é que em 2017, no período de 133 dias, a prefeitura já gastou com a rede hoteleira o valor de R$ 143.170,00 (cento e quarenta e três mil e setenta reais).

O cidadão entrou em contato com os hotéis os quais a Prefeitura de Maracaju tem convênio em busca de informação e valor cobrado pelas diárias.

 

O Hotel Poty informou que a diária de hotel em um quarto individual com ar condicionado e frigobar custa R$ 135,00 (cento e trinta e cinco reais). Só nesse ano, e em 133 dias o Hotel já recebeu da Prefeitura Municipal, valor de R$ 81.700,00 (oitenta e um mil e setecentos reais), o equivalente a 605 diárias.

 

O Hotel Pousada da Serra recebeu em 133 dias o valor de R$ 42.215,00 (quarenta e dois mil e duzentos e quinze reais) equivalente a 272 diárias de R$ 155,00 (cento e cinquenta e cinco reais) no mesmo quarto individual com ar e frigobar.

 

O BACHS & SILVA Ltda - Me (Hotel Jangada) localizado no Alto Maracaju, tem diárias em quarto com ar condicionado e sem frigobar, no valor de R$ 86,00 e já recebeu até o dia 12 de maio o valor de R$ 19.255,00 (dezenove mil, duzentos e cinquenta e cinco reais) referente a 224 diárias.

 

Somando as diárias dos três hotéis citados, a prefeitura de Maracaju já hospedou 1101 autoridades em 133 dias de 2017, ou seja, 08 autoridades por dia, de domingo a domingo, sem deixar nenhum dia vago.

 

Confira abaixo quanto cada hotel recebeu ao longo do mandato atual:

Hotel Poty – R$ 416.080,78 - 3.082 Diárias a R$ 135,00.

Pousada da Serra – R$ 383.329,38 - 2.473 Diárias a R$ 155,00

Bachs & Silva Ltda – R$ 251.729,88 - 2.927 Diárias a R$ 86,00

 

Os três hotéis juntos em 04 anos e 05 meses de mandato do atual Prefeito, já hospedaram 8.482 autoridades, lembrando que os preços usados para calculo de diárias foram informados pelos hotéis no dia 29/05, podendo ser que a quatro anos atrás os preços fossem menores, ou seja, hospedando ainda mais autoridades.

 

O cidadão Alerta entrou em contato por telefone com os respectivos hotéis e solicitou a relação destas autoridades que foram hospedadas.

 

Fomos informados de que iriam entrar em contato via e-mail e até a publicação desta matéria, dois dos três hotéis não fizeram qualquer contato.

 

A proprietária do Hotel Poty, por telefone, afirmou que nunca recebeu este valor no ano de 2017. Frisa-se que ela, a senhora Anita Rigo Felini é mãe do Secretário de Governo da prefeitura de Maracaju, o advogado Frederico Felini.

 

O cidadão Alerta está a disposição dos demais proprietários de hotéis, para se justificarem ou negarem o recebimento desses valores.

 

Ademais, o cidadão Alerta estará aprofundando as denuncias até para saber se estes hotéis tem quartos suficientes para hospedarem tamanha quantidade de autoridades.

 

 O Cidadão está Alerta.

 

Confira os comprovantes: Hotel Poty.

 

Confira os comprovantes: Hotel Pousada da Serra.

Confira os comprovantes: Hotel BACHS & SILVA Ltda - Me (Hotel Jangada).

 

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

MARACAJU: ex-prefeito CELSO VARGAS (inelegível) declara apoio a MARCOS CALDERAN

24.10.2020

1/18
Please reload

ANTÔNIO JOÃO: Juíza “indefere” registro de 12 candidatos do PSDB

23/10/2020

1/18
Please reload

mega_fone_cidadão..jpg

RW apresenta Noticiário ao vivo das 19h00 ás 20h00 a partir desta quarta feira

10.4.2019

1/5
Please reload