Mestre em falsificar folha de ponto é o presidente da Comissão que vai investigar o governador Reinaldo Azambuja

02/06/2017

Deputado Paulo Corrêa (PP) irá presidir a Comissão que investigará o governador de MS

A Comissão que vai investigar as Denúncias contra o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) é composta pelos deputados Paulo Corrêa (PR), e Flavio Kayatt (PSDB), Eduardo Rocha e Marcio Fernandes, ambos do PMDB, e Pedro Kemp (PT).

 

O Presidente escolhido para liderar a Comissão foi o Deputado Paulo Corrêa (PR), o mesmo que foi flagrado em escuta telefônica ensinando o Companheiro Felipe Orro a fraudar a folha de ponto.

 

Sem falar ainda que o deputado Mauricio Picarelli, Corregedor, inocentou o companheiro de bancada, e a Assembleia Legislativa não achou necessária a abertura de uma CPI dos servidores fantasmas.

 

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), braço forte do MPE-MS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), confirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, que já investiga o episódio envolvendo os deputados estaduais Paulo Corrêa (PR) e Felipe Orro (PSDB), flagrados numa escuta telefônica em que o republicano teria supostamente orientado o colega a fraudar a folha de ponto de assessores nomeados na Assembleia Legislativa. (Midiamax).

 

 

A população questiona se o Deputado Paulo Corrêa (PR) tem competência para presidir tal comissão, já que segundo o áudio vazado no ano passado, o deputado fralda a folha de pontos para ocultar funcionários fantasmas lotados em seu gabinete, e ainda é mestre em ensinar os demais colegas a fazerem o mesmo. Confira o vídeo ao lado!

 

 

 

Já o relator escolhido foi o Deputado Flavio Kayat (PSDB), o mesmo que em entrevista ao site de notícias Midiamax fez a seguinte declaração: “Eu tenho um compromisso com o governador de que a primeira vaga que surgir seria minha e eu estou aguardando. Não sei quem é o próximo a deixar o tribunal, mas sei que é minha a vaga por um convite do próprio governador". (Midiamax)

 

 

O Cidadão Alerta tem a mesma posição da população sul-mato-grossense.

 

Não deveriam estes deputados, presidente e relator, estarem impedidos de dirigir esta Comissão? Sendo que um já é investigado por ser MESTRE em fraudar a folha de ponto e o outro tem acordo com o Governador Reinaldo Azambuja para ocupar a próxima vaga do Tribunal de Contas.

 

A população aplaude esta Comissão!

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

MARACAJU: ex-prefeito CELSO VARGAS (inelegível) declara apoio a MARCOS CALDERAN

24.10.2020

1/18
Please reload

ANTÔNIO JOÃO: Juíza “indefere” registro de 12 candidatos do PSDB

23/10/2020

1/18
Please reload

mega_fone_cidadão..jpg

RW apresenta Noticiário ao vivo das 19h00 ás 20h00 a partir desta quarta feira

10.4.2019

1/5
Please reload