MARACAJU: após denúncia de suposta irregularidade, Câmara exonera Procuradora–Geral

02/08/2019

Após receber mais de R$ 124.000,00 (cento e vinte e quatro mil reais), durante 26 meses, Procuradora–Geral da Câmara Municipal de Vereadores é exonerada.

Segundo consta na publicação do DOM (Diário Oficial de Maracaju) do dia 02/08/2019 (sexta-feira) a exoneração foi a pedido da advogada.  Confira abaixo:

A exoneração ocorreu no dia 26/07/2019, 04 dias após O Cidadão Alerta publicar supostas irregularidades na nomeação de Maritania Moi Solano no cargo em Comissão de Procurador-Geral AS-1 em junho de 2017.

 

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

MARACAJU: VILMAR DA ERA DO GELO tem registro deferido pela Justiça Eleitoral

19.10.2020

1/18
Please reload

A partir do recebimento da denúncia, STJ pode afastar REINALDO AZAMBUJA a qualquer momento

16/10/2020

1/18
Please reload

mega_fone_cidadão..jpg

RW apresenta Noticiário ao vivo das 19h00 ás 20h00 a partir desta quarta feira

10.4.2019

1/5
Please reload